A VERDADE DA ESTRELA E OS MAGOS EM BELÉM


Gostava de refletir convosco sobre algumas coisas sobre a estrela e os magos que visitaram Jesus. A estrela sem duvida foi o meio que Deus usou para guiar os magos até Belém, à casa onde estava o menino Jesus, conforme nos diz o evangelho de Mateus. Pensar na estrela é pensar num GPS que indicou o caminho certo, a direção certa e a casa certa para aqueles homens encontrarem Jesus. Na verdade, o nosso Deus está sempre "muito à frente" e usa o que Ele mesmo criou - uma estrela. De imediato, fez-me lembrar o que Jesus disse aos seus discípulos: «Vós sois a luz do mundo» e assim como aquela estrela, agora cabe a nós iluminar, ou seja, mostrando e guiando os que estão na escuridão até Jesus Cristo.

Também, sobre os magos há tanta coisa a corrigir e será bom que os próprios cristãos se corrijam e ensinem às crianças o verdadeiro natal, sem a tradição pelo meio. A Bíblia não diz que são 3 magos, apenas diz que eram magos vindos de longe. Não se sabe de que cor eles eram e muito menos os seus nomes. O que sabemos é que eles vieram até Belém para encontrar Aquele que estava prometido nas antigas escrituras. Os magos não eram reis, mas ofertaram presentes dignos de um rei receber: ouro, incenso e mirra, porém eles sabiam que não estavam perante um rei qualquer, mas o Rei dos reis e prova disso é que renderam adoração a Jesus.

Muitas vezes em peças teatrais colocam os magos na estrebaria, mas aquilo que percebemos pelos relatos sagrados, é que os magos não foram a uma estrebaria, mas sim a uma casa, precisamente sobre a qual a estrela parou. Jesus teria cerca de 2 anos, por isso Herodes tentou saber precisamente o tempo em que a estrela lhes apareceu e cheio de maldade mandou matar todos os meninos de Belém a partir dos dois anos de idade para baixo, para além de podermos fazer contas de datas em que perceberemos que na verdade os magos encontraram o "menino" e não o "bebé". Pode parecer a mesma coisa, mas neste caso não é.

No entanto, a beleza nesta história dos magos é que Deus mostra que Jesus veio para os "estrangeiros", porque os magos assim o eram, ou seja, não eram judeus. Jesus também é para ti, querida amiga. Ele nasceu para ti e por ti, e o que fazeres diante desta verdade cheia de amor? A Bíblia conta que os magos ofereceram o melhor... não penses que era o ouro, o incenso e a mirra, mas sim a adoração que a Ele prestaram. Isto é, ofertaram os seus corações agradecidos, humildes, reconhecedores do amor e a fidelidade de Deus, que Jesus é Rei e Senhor, o Filho de Deus que tomou a forma humana para mostrar a todos como viver e abrir caminho para vivermos uma vida eterna no céu com Ele.

Mais do que sacrifícios, mais do que ofertas, mais do que outra coisa qualquer que possas fazer, o melhor que podes ofertar a Jesus é o teu coração e consequentemente provarás o fiel e puro amor que tanto procuras, a perfeita paz que o mundo não consegue dar, a alegria que inunda o teu ser mesmo no meio das tribulações e a esperança da vida eterna com Jesus no céu. Tão simples, não é?! As suas mãos são sem duvida o lugar mais seguro para tu depositares a tua vida e certamente não te decepcionarás. Tu tens o melhor presente para Ele, cabe a ti decidires o que fazer diante daquele que se deu por ti. Deus te abençoe.

Isabel Ricardo Pereira

1 comentário:

António Jesus Batalha disse...

Ao passar pela net encontrei seu blog, estive a ver e ler alguma postagens
é um bom blog, daqueles que gostamos de visitar, e ficar mais um pouco.
Eu também tenho um blog, Peregrino E servo, se desejar fazer uma visita
Ficarei radiante,mas se desejar seguir, saiba que sempre retribuo seguido
também o seu blog. Deixo os meus cumprimentos e saudações.
Sou António Batalha.
http://peregrinoeservoantoniobatalha.blogspot.pt/

Filme Jesus

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites